Jogo De Gato E Rato

07 Feb 2018 00:05
Tags

Back to list of posts

is?QaZ617VkLoEuDYffya3XweKfOBRFe8BntdYheJmJ9Bo&height=215 Logo você receberá os melhores conteúdos em teu e-mail. Além do maior número de governadores, prefeitos e vereadores, o partido tem assim como a maior bancada da Câmara, com 61 deputados, e o segundo superior tempo de Televisão pela eleição. Este é um ágil precioso, disputado a tapa pelo PT e o PSDB eleição após eleição e neste momento ampliando o leque de negociações. No discurso de políticos mais jovens, a Tv terá cada vez menos relevância eleitoral, imediatamente a partir desse ano, em razão de vem sendo substituída pela rapidez, alcance e ausência de regras das mídias sociais.Contudo quem é do ramo, como o próprio Temer, aposta no contrário: com a restrição do financiamento empresarial e os limites apertados do fundo público, a necessidade da Televisão vai amadurecer. O acontecimento é que o MDB se mexe muito, todavia diz insuficiente e apresenta ainda menos pistas a respeito do que pretende fazer em outubro.Como resumiu Temer: "O partido vai ter candidato? Um candidato próprio ou alguém que migre de outra sigla? Leia-se: o governo e o partido não estão à caça de candidatos; acham que serão caçados pelos candidatos. A dificuldade é o que fazer com o respectivo presidente, isto é, como ter os proveitos do governo e do partido, porém escondendo Temer e se descolando do seu desgaste pela opinião pública? Não é tão descomplicado. Temer e seus escudeiros Moreira Franco e Eliseu Padilha não são bobos.E candidato que subestima o eleitor poderá ceder com os burros n’água. Em 2006, deu certo no Rio, quando Sérgio Cabral se elegeu governador surfando no suporte e nos votos do casal Anthony e Rosinha Garotinho, entretanto mantendo uma distância prudente e se desvencilhando dos 2 portanto que adquiriu vida própria. Foi, porém, uma situação específica, recinto. Funcionaria numa eleição presidencial? É essa pergunta que se realizam Alckmin, Rodrigo Maia e quem sabe até Henrique Meirelles - os três nomes potencialmente governistas.No tempo em que trabalham e torcem pra Temer obter popularidade e virar um ótimo cabo eleitoral, temem que, se isso haver, ele mesmo conseguirá se lançar. Até neste local, por isso, existe um jogo de gato e rato: quem caça quem, quem convém a quem. As pesquisas darão as respostas, mas aí é que mora o perigo: elas têm sido bem favoráveis aos nomes da oposição, não aos da circunstância. Direitão’. Segundo Aécio Neves, Maia "começou bem" ao apresentar uma frase do teu avô, Tancredo, a respeito correr riscos sem se meter em aventuras. Contudo começa de fato bem com Paulinho da Força (SD), Valdemar Costa Neto (PR) e Ciro Nogueira (PP)? Isto é "centrão" ou "direitão"?Vamos abrir os olhos, antes que possa ser tarde. Não a esse fundo imoral e ao distritão. Se não for pra nos acatar, que ninguém compareça às urnas. Desta forma não seremos feitos de palhaços. Ainda tem parlamentar que acha insuficiente! Porém, para eleger deputado, é insuficiente, no perceber dos nossos parlamentares - parlamentares que só se lembrarão do eleitor pela época da eleição. 23 de maio de 2003 cinco anfíbios e Expectativa de existência: 15 a 25 anos um pitada de sal dois Tipo de partículasSe fosse imprescindível um exame de competência funcional, mesmo em provas do grau Enem, eles não passariam. Dinheiro público que poderia encaminhar-se para a saúde e a educação transformado em campanhas políticas para candidatos safados e ignorantes que sem sequer sabem expressar acertadamente! Honestamente, eu não autorizo! Quem o sr. Vicente Cândido pensa que é?De imediato o funcionalismo, que a todo o momento foi petista, agradeça a ele: perderam nove por cento no de reajuste e vai doar 4% pros deputados! Acabe com a reeleição, com a aposentadoria de políticos, cortem benefícios como auxílio-paletó, residência, passagens, combustível, carros, refeição, correio e utilizem a verba pra campanhas! É preciso afrontar os detalhes e uma sensacional dose de pragmatismo ao checar o projeto de financiamento público de campanha que tramita no Congresso.Se um fundo de dinheiro do erário pode financiar políticos gananciosos, que não têm imaginação e espírito público, somente voláteis vaidades, por que não o formar pra ser canalizado para abater a dívida pública? Mais do que críticas de economistas e ilustres letrados que de lei tudo entendem ao colocá-las em papiros, carecemos ter no debate nacional pessoas comprometidas com posições firmes contra o uso do dinheiro arrecadado pra usos corporativos. Congresso Nacional, salvo engano, é algo mais igual com a residência da mãe Joana! Sim, sou em prol de uma reforma política urgente.

Comments: 0

Add a New Comment

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License